cpmaffiliation 728 x 90

CONFIRA A PROGRAMAÇAO DO CENTRO DRAGAO DO MAR DE ARTE E CULTURA DE 1º a 7 de junho - FORTALEZA, CEARÁ


Confira a programação do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, 
de 1º a 7 de junho

► Lab 2015 - Feira da Música

A Feira da Música chega à sua décima quarta edição intensificando a formação para os profissionais das áreas da cultura. Um Programa continuado de ações de formação, que contem rodas de debates, cursos e oficinas voltadas a produção e as técnicas nas áreas do entretenimento, e integração de novos profissionais no mercado.

O Lab 2015 - Feira da Música mantem a parceria com o Instituto de Artes e Técnicas de Comunicação - IATEC e o Centro Cultural Dragão do Mar de Arte e Cultura (CCDMAC). O resultado é uma plataforma de formação e negócios, em colaboração com os serviços e industria de equipamentos e estruturas, envolvendo os diversos elos e indivíduos ligados à cadeia produtiva da Cultura.

Ao todo, serão atividades de formação, entre oficinas e minicursos, durante os três dias. Serão ofertadas ao público, de forma gratuita, capacitações básicas e avançadas, todas chanceladas pelo Instituto de Artes e Técnicas em Comunicação (IATEC), escola carioca de referência internacional, que desde março de 2014 possui sede em Fortaleza.

O Lab 2015 - Feira da Música ainda conta com a segunda edição da premiação que irá prestigiar os profissionais de destaque do ano. O prêmio abrange diversas categorias, tais como: Produtor de Eventos, Produtor de Shows, Iluminador de Shows, Iluminador de Teatro, Roadie, Técnico de PA, Técnico de Monitor, entre outros. A eleição será realizada por profissionais e empresas do setor. 

O Lab 2015 tem como foco principal as atividades de formação, porem a programação musical estará presente com as apresentações musicais na Praça Almirante Saldanha no Centro Dragão do Mar .

A programação de lançamento acontece nos dias 01, 02 e 03 de junho, no CDMAC, durante os dias 01 a 03 de junho, a partir das 10h.

Confira a programação completa do Lab Feira da Música:

Segunda-feira, dia 01/06

10h às 12h - Oficina: Otimizando e modernizando o dimensionamento de potência, eficiência e lucratividade de PAs.

Palestrante: Eng. Francisco Monteiro13h às 15h - Oficina: Microfonação e Captação de Áudio
Palestrantes: Milton Koproski
Link de inscrição: http://bit.ly/1zRrDA

16h às 18h - Oficina: Pensando em um Workflow
Palestrante: Anselmo Gonçalves
Local: Auditório - Dragão do Mar
Link de inscrição: http://bit.ly/1QtlFKb
Evento Gratuito

18h às 20h - Oficina: Demonstração sistema de PA – Attack
Palestrante: Dênio Costa
Link de inscrição: http://bit.ly/1AKW4TO

20h às 0h - Shows Diversos

Local: Praça Almirante Saldanha
Evento Gratuito

Terça-feira – 02/06

10h às 12h - Conceitos da Linha Vertcon
Palestrante: Dênio Costa
Link de inscrição: bit.ly/1Kqy5hU

13h às 15h - Palestra Quanta Music
Palestrante: Kalunga e Tiba
Link de inscrição: http://bit.ly/1DWpSNp

16h às 18h - Tecnologia & Inovação no cenário de Iluminação.

Palestrantes: Eduardo Orenes e Marcus Paes
Link de inscrição: http://bit.ly/1F46a7G

18 às 19h - Apresentação – Terça Técnica

Palestrante: Representantes da Terça Técnica de Fortaleza
Local: Auditório – Dragão do Mar
Evento Gratuito

18 às 19h - Demonstração sistema de PA – Attack 

Palestrantes: Dênio Costa
Local: Praça Almirante Saldanha
Link de inscrição: http://bit.ly/1AKW4TO

Evento Gratuito

19 às 20h - Prêmio – Destaque do Ano – Profissionais da Cultura de 2014

Link para votação: http://bit.ly/1zTsPU5

20h às 21h - Show - Jord Guedes
Local: Praça Almirante Saldanha
Evento Gratuito

Quarta- feira – 03/06

10h às 12h - Introdução ao Áudio

Professores: Emídio Braga e/ou Renato Pinto
Link de inscrição: http://bit.ly/1AKW4TO

13h às 15h - Produção de Eventos
Professores: Thais Andrade
Link de inscrição: http://bit.ly/1PuUz2T

16h às 18h - Produção Técnica

Professores: Bebeco Baltaduonis
Local: Auditório – Dragão do Mar
Evento Gratuito

18h às 20h - Demonstração sistema de PA – Attack
Palestrantes: Dênio Costa
Link de inscrição: http://bit.ly/1AKW4TO

21h - 23h - Shows Duo Finlandia e Dona Zefinha
Local: Praça Almirante Saldanha
Evento Gratuito

Serviço:

Lançamento da Feira da Música,

Dias 01, 02 e 03 de junho, no Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura.
Inscrições: Inscrições: fortaleza@iatec.com.br ou (85) 3181-4597 

Atividades gratuitas

Evento no Facebook: http://on.fb.me/1DF7SYe

Contato: Ivan Ferraro / Valéria Cordeiro (85) 3262 5011 | www.feiradamusica.com.br

► Concerto Brasil-Itália // Dia Nacional da República Italiana

Concerto da Orquestra Filarmônica de Fortaleza, regente Maestro Gladson Carvalho e da soprano Patrizia Biccirè (Itália)

O Consulado da Itália de Recife e o Consulado Honorário da Itália de Fortaleza têm o prazer e a honra de convidar a V.Sa. para o evento organizado em Fortaleza em ocasião da comemoração da DATA NACIONAL DA REPÚBLICA ITALIANA, no dia 2 de junho de 2015. 

O evento constituirá um importante momento de encontro e de aproximação entre os representantes das instituições públicas e privadas do Estado do Ceará, as representações diplomáticas no território, e os órgãos diplomáticos da Embaixada Italiana, do Consulado da Itália de Recife, do Consulado Honorário de Fortaleza, com a participação de uma delegação de empreendedores italianos acompanhando o Senador da República Giovanni Lorenzo Forcieri.

Dia 2, às 19h15, no Teatro Dragão do Mar. Acesso gratuito.

Contato: Claudio Vullo | Tel. +55 85 3273.3744 - cell. (85) 8893.7433

► Debate com Ginga

Grupo Capoeira Brasil

Debates e conversas sobre temas fundamentais a organizações sociais e de cultura popular são tratados nos encontros mensais do Debate com Ginga.

Dia 3, às 19h, no Auditório e Arena Dragão do Mar. Acesso gratuito.

Contato: Luciano Hebert (8845-0743 / 8711-4900 / hebert.capoeira@gmail.com )

► Carlinhos Patriolino – Show Vivências

Carlinhos Patriolino é multiinstrumentista autodidata, nasceu no dia 19 de dezembro de 1961 em Sobral, mas ainda criança se mudara com a família para Fortaleza. Filho de dona Teresinha Damasceno e do compositor e seresteiro Carlos Patriolino, Carlinhos é o caçula dos sete filhos do casal.

Sua infância foi marcada pelas serestas e pelas rodas de choros que seu pai o levava semanalmente. Aos seis anos de idade, incentivado pelo pai, começou a tocar violão ganhando logo depois um bandolim como recompensa pelo seu desempenho. Aos treze anos de idade Carlinhos já surpreendia tocando bandolim, violão, guitarra e cavaco ao lado de músicos profissionais.

Durante a sua carreira, Carlinhos Patriolino tocou e gravou ao lado de vários cantores e instrumentistas consagrados da MPB como: Amelinha, Ednardo, Fausto Nilo, Sandra de Sá, Zélia Duncan, Chico César, Alcione, Emílio Santiago, Wilson Simonal, Belchior, Orlando Morais, Paulinho Moska, Sivuca, Paulo Moura, Altamiro Carrilho entre outros. Desses artistas, o que mais marcou sua carreira foi o cantor Emílio Santiago, com quem tocou por quase nove anos.

Em 1979, Carlinhos participou do maior evento cultural do estado, o movimento Massafeira Livre. Nessa semana, a arte cearense ganhava proporções incalculáveis. Em 2001, Carlinhos Patriolino foi reconhecido pelo público como o melhor músico nas categorias Compositor de Música Instrumental e Instrumentista de Cordas (Instrumento Acústico) do Prêmio Nelsons da Música Cearense de 2000. Recebendo, assim, dois troféus na noite de premiação, no dia 27 de junho de 2001, que fora realizada no Theatro José de Alencar.

Dono de uma musicalidade própria e inconfundível, especialmente nas notas de seu bandolim, Patriolino desenvolveu um trabalho autoral que revela sua herança sonora marcadamente brasileira, que pode ser conferido em seus discos autorais: “Rabisco” e “Sambopeando”, este último realizado em parceria com o pianista carioca João Braga.

Em 2007, o CD “Sambopeando” recebeu o troféu Cata-Vento na categoria melhor CD Instrumental pela Rádio Cultura de São Paulo. Ainda em 2007 Carlinhos passou dois anos em turnê na Europa, circulando em casas e teatros de mais de quatro países com um concerto de música instrumental brasileira. Lá foi reconhecido e muito elogiado pela sua capacidade inventiva e jazzística. Em Barcelona (2008), teve o prazer de participar do Festival Raval All Stars.

Ao retornar da Europa, Carlinhos volta para Fortaleza, onde atua até hoje em diversas formações musicais da cidade além de apresentar seu show solo em centros culturais, mostras e festivais, como Centro Cultural Banco do Nordeste, SESC, Centro Cultural Dragão do Mar, Centro Cultural Oboé, Instituto CDL de Cultura, Theatro José de Alencar, Feira da Música, Festival Mel Chorinho e Cachaça, Festival Jazz & Blues, Festival Ceará Instrumental, Festival Manifesta, Festival Choro Jazz, Festival Música na Ibiapaba etc.

Em 2011, teve a música “Atravessado” na coletânea de 10 anos do Centro Cultural Banco do Nordeste e começou a ministrar na Fundação Lugon, onde dá aula de violão, bandolim e cavaco, e coordena um regional de choro.

Em 2012, foi convidado pela Orquestra Sinfônica da Universidade Estadual do Ceará – UECE para solar Suíte Retratos do compositor Radamés Gnattali em um concerto no Theatro José de Alencar e logo depois na abertura do Festival Música na Ibiapaba. Carlinhos Patriolino participou também do Festival Choro Jazz de Jericoacoara. Foi o instrumentista homenageado pelo II Festival Ceará Instrumental e começou a gravar seu novo CD, o “Vivências”.

Já em 2013, começou a reger o regional de choro da Fundação Lugon e participou da abertura do Carnaval de Fortaleza e da gravação do DVD do cantor Ednardo, ambos realizados no Dragão do Mar. Agora, Carlinhos está concentrado na produção do “Vivências”, que tem seu lançamento previsto para o primeiro semestre de 2014.

Dia 3, às 20h, no Teatro Dragão do Mar. Ingressos: R$ 10,00/5,00.

Contato: Gerusa Pacheco (8778-1130 / gerusapacheco@gmail.com )

► SILVA - Vista Pro Mar

Revelação da nova cena musical brasileira, SILVA apresenta o show do seu segundo álbum, "Vista Pro Mar". Depois de passar por palcos de grandes festivais como Lollapalooza Brasil e Rock in Rio Lisboa, SILVA apresenta seu novo disco escolhido como melhor álbum de 2014 pelo iTunes.

Tido como um artista inovador, SILVA tem sido reconhecido também por nomes fortes da nossa música, como Tom Zé, que o convidou para produzir uma música de seu último disco “Vira Lata na Via Láctea”, e Nelson Motta, que o convidou a produzir uma versão atualizada da música "Marina no Ar" para o disco “Nelson 70”.

Acompanhado por Rodolfo Simor (guitarra e synth) e Hugo Coutinho (bateria), SILVA vem aos palcos com um show ensolarado e com um disco que foi todo produzido e pensado para as apresentações ao vivo.

+ informações:

silva@silva.tv





Dia 4, às 20h, no Anfiteatro. Ingressos: R$ 60,00 / 30,00.
Contato: Lucas Silva (27 9-9921-2036 / silva@silva.tv )

► Os Cavaleiros

Grupo Alumiar Cenas & Cirandas – Direção: Socorro Machado

Com um texto feito a partir de figuras fantásticas e reias da nossa Cultura Popular, Os Cavaleiros, do grupo de teatro Alumiar Cenas & Cirandas, volta ao Teatro Dragão do Mar.

Em um espetáculo, onde uma visão sagrada e profana envolve a vida de uma comunidade de vaqueiros; o folguedo do bumba meu boi, os sete pecados capitais, como características da essência humana, os brinquedos cantados e a religiosidade, se entrelaçam como fios nas mãos dos personagens, que apresentam um texto rico em torno do grande universo que é a Cultura Popular.

Sob a direção geral de Socorro Machado, Os Cavaleiros, traz a inclusão para cena teatral. O espetáculo terá a participação de dois atores deficientes visuais, e contará com interpretes de libras (Língua Brasileira de Sinais) e áudio-descrição durante as sessões.

O grupo cearense de teatro Alumiar Cenas & Cirandas, com 15 anos de existência, é composto por pesquisadores e estudiosos da cultura popular, arte-educadores, pedagogos e comunicadores, que tem como filosofia o Teatro Pedagógico, visando a transformação do indivíduo a partir da educação.

Dias 06, 07, 13, 14, 20 e 21, às 19h, no Teatro Dragão do Mar. Ingressos: R$ 20,00 / 10,00. Classificação: 9 anos.

Contato: Santos Mota / Renato Fontenele (9653-6399 / 9646-6169 / renato_fontenelle@hotmail.com )

► Pôr do Som — Música de Câmara no Dragão

O Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura apresenta ao público mais uma programação para encher de boas vibrações o fim de tarde por aqui. É o projeto semanal Pôr do Som – Música de Câmara no Dragão que, todos os sábados, às 17h, trará em apresentação gratuita um grupo de instrumentistas da Orquestra Sinfônica da Universidade Estadual do Ceará (Osuece), na Arena Dragão do Mar. Neste sábado, confira Orquestra Transversal da UECE. 

No Pôr do Som, os grupos de câmaras (música erudita composta para um pequeno grupo de instrumentos ou vozes) oriundos da OSUECE, com formações variadas, mostrarão um repertório variado de música de concerto de câmara de vários compositores cearenses, brasileiros e de outras nacionalidades. Serão apresentados até canções imortalizadas pelo cinema e músicas que compõem as trilhas de jogos de videogame, entre outras surpresas. 

“O objetivo desta série de concertos é proporcionar ao público diferentes aspectos da apreciação musical, com perspectiva de formação de plateia, informação e interação com o público”, define o professor de música da Uece e maestro da Osuece, Alfredo Barros. 

Dia 6,às 17h, na Arena Dragão do Mar. Acesso gratuito.

Contato: Alfredo Barros (9651-8563 / 8818-0120 / alfredo.barros@uece.br )

► Fuxico no Dragão

Música, performances e uma feirinha expositores em design, moda, produtos terapêuticos e gastronômicos agitam as tardes de domingo do Centro Dragão do Mar. O programa perfeito para jogar longe o marasmo dominical. Nesta edição, confira Trio Mistura Brasileira

Contato: Soledad Brandão (9728-6576 / soledadbrandao@gmail.com )

► Dragão do Mar abre exposições Ela e Interstícios próxima quarta-feira (3), às 19h, no MAC-CE 

O Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura abre duas novas exposições próxima quarta-feira (3), às 19h, no Museu de Arte Contemporânea do Ceará (MAC-CE). Entra em cartaz a mostra Ela, que apresenta 13 obras do premiado artista visual Bruno Vilela e ainda lança o documentário Se Cria Assim, do cineasta Beto Brant, sobre o processo criativo do pernambucano. A data também inaugura a exposição Interstícios que, com curadoria da jornalista e crítica de arte Ana Cecília Soares, reúne no MAC-CE as singularidades de nove artistas em torno da ideia de um corpo em transformação a partir do encontro com o outro.

As vernissages dão seguimento ao projeto Quintas Visuais do Dragão que se iniciou no dia 14 de maio, com a abertura da exposição Sobrenaturezas Sobnaturezas, no Museu da Cultura Cearense. O projeto é um ciclo de artes visuais que promove a abertura de exposições, às quintas-feiras, entre os meses de maio e junho. Ela e Interstícios, excepcionalmente, tiveram data de abertura antecipada devido ao feriado de Corpus Christi, no dia 4 de junho. As Quintas Visuais continuam com a vernissage de A Palavra e o Traço, sobre vida e obra de Fausto Nilo, no dia 11 de junho; e de Orson Welles e Manuel Jacaré – A arte de ver o mar, no dia 18 do mesmo mês.

Ela 

Ocupando todo o piso superior do MAC-CE, a exposição de Bruno Vilela – pela primeira vez em mostra individual em Fortaleza – apresenta treze obras das séries Animattack e Dia de festa é véspera de dia de luto, que fazem referência ao conceito da Anima, da psicologia junguiana, que é a personificação do inconsciente masculino na figura de uma Deusa. 

“Essa entidade surge de várias maneiras nos meus quadros: nos olhos enigmáticos num fundo azul; em rostos femininos em que os outros elementos humanos como boca e nariz são suprimidos, reforçando esse olhar; em memórias de infância, através da desconstrução de fotos antigas de simples festas de aniversário”, exemplifica o artista.

A obra Ela, que dá nome à exposição, é fundamental para o entendimento da série. É o aparecimento de uma figura feminina fantasmagórica no meio da natureza. Sem cabeça, as mãos são levadas de modo desesperado ao local onde ela deveria existir. No meio da floresta o homem se funde com a mata e, então, finalmente, Ela, a consciência da existência, toma conta do ser humano que tem medo profundo do que não sabe explicar. “A Mãe Terra, La loba, A bruxa, A Santa, A deusa, Ela, são vários os nomes dados ao sentimento de integração com o cosmos ao longo das eras por diversos povos primitivos, em lendas escritas, tradição oral, pinturas e esculturas”, explica.

Entre as obras expostas, o público poderá conferir um trabalho inédito, feito exclusivamente para o Dragão do Mar: uma pintura na parede, feita com grafite e óleo, numa técnica nova descoberta pelo artista numa recente residência em Lisboa. Além disso, a exposição lança o filme Se Cria Assim, documentário dirigido pelo cineasta Beto Brant sobre o processo criativo de Bruno Vilela. 

O filme mostra o processo do artista no ateliê, desde suas técnicas de pintura e desenho até referências de seus misteriosos cadernos – que estarão numa vitrine em exposição –, passando por um dia de fotografia na floresta. Entre entrevistas e depoimentos, o filme é um passeio pela obra e vida do artista pernambucano.

Interstícios

A exposição Interstícios ocupará duas salas do andar inferior do MAC-CE, com obras dos artistas Célio Celestino, Cris Soares, Emanuel Oliveira, Haroldo Saboia, Filipe Acácio, Jared Domicio, Marcos Martins, Herbert Rolim e Milena Travassos. Todos trazem em comum as singularidades em torno da ideia de um corpo sensível, aberto à experimentação, a novas rupturas e aos abalos estruturais, desfazendo construções complexas e organizadas para a constituição de outras.

“Cada trabalho ressoa essa experiência por meio de fissuras, dobras, torções, sobreposições, rasgos e fendas. Interstícios que se estruturam tanto como uma espécie de memória do diálogo com o outro, mas também se mostram como zona de inventividade de qual se é possível pensar em outros caminhos poéticos para as obras em questão”, define a curadora da exposição, Ana Cecília Soares.

A jornalista e crítica de arte desenvolve ainda que os artistas entregam-se ao estranhamento de si próprios, deixando-nos índices em forma de fissuras, ranhuras, marcas, sobreposições e atritos de suas trocas sensíveis, afetações recíprocas e deslocamentos existenciais. “Todos, interstícios, configurados como zonas de inventividade que permitem ponderar uma relação particular entre o mundo percebido por cada artista e aquilo que não aparece normalmente no que é”. 

SERVIÇO

Abertura das exposições Ela e Interstícios

Quando: dia 3 de junho
Hora: 19h
Onde: Museu de Arte Contemporânea do Ceará (MAC-CE), do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura

Acesso gratuito

Sugestões de entrevista
Bruno Vilela: (81) 9928.5328
Ana Cecília Soares: (85) 99925.1740

01.06.2015

Assessoria de Comunicação e Marketing Instituto Dragão do Mar
Luciana Vasconcelos e Luar Brandão
Telefones: (85) 3488.8617 / 3488.8625/ 98970.8081 / 98733.8829
imprensa@dragaodomar.org.br
imprensadragaodomar@gmail.com

Giselle Dutra
Gestora de Célula/Secretarias

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado - Casa Civil
comunicacao@casacivil.ce.gov.br
(85) 3466.4898